terça-feira, 28 de dezembro de 2010

A Torta de Limão Perfeita

 
Mais de 2 meses sem atualizar meu blog, e a realidade é que nesses últimos 2 meses muita coisa nova aconteceu em minha vida. De uma hora para outra, como num estalar de dedos ou num piscar de olhos, vi minha rotina se alterada completamente por novidades nunca antes pensadas ou imaginadas por mim. A começar pelo trampo novo que acabei arrumando em Ilhéus. Realmente eu nunca me imaginei morando em uma cidade e trabalhando em outra. Agora me submeto novamente, depois de mais de 5 anos sem um trabalho fixo, a uma rotina de horários. Horário para acordar, para pegar o ônibus, para almoçar, para voltar para casa. Horários e mais horários, que alteraram completamente meu cotidiano, antes flexibilizado e aleatório até certo ponto. E por conta desse trampo, ultimamente tenho me sentido exaurido no final do dia, chegando em casa praticamente esgotado fisica e mentalmente, a ponto de nem ter disposição para utilizar meu PC e acessar a net, ou falar com meus amigos no TS de minha guild de Cabal Online.
Em contrapartida, a situação melhorou significativamente em termos financeiros, e isso se reflete no fato de que fecharei 2010 sem dívida alguma pendente. Em se tratando de estabilidade financeira e pessoal, acredito que estou vivendo a melhor fase de minha vida, fase essa nunca antes experimentada dessa forma e com essa magnitude antes. E ainda assim, diante de tudo isso, diante dessa fase positiva em minha vida, eu ainda me surpreendo com essa sensação sempre insistente de que algo me falta, algo ainda muito maior e mais profundo, algo que sempre procurei durante toda essa minha vida e que ainda não encontrei da maneira como eu esperava. Alguns poderiam me dizer que eu ainda não encontrei o real sentido da vida, da minha vida, mas prontamente eu discordaria e sequer concordaria com essa opinião, pois eu sei muito bem que não se trata de encontrar sentido para a vida que vivemos, ou no caso, para minha vida. Provavelmente eu já tenha encontrado por diversas vezes aquilo que sempre busquei, e sei que já encontrei, e me senti agraciado por isso. Entretanto, chega um momento em que percebo que a essência daquilo que encontrei não é completa da maneira como imaginei, e é nesse momento em que sou pego nessa sensação de vazio, que eu poderia definir como uma certa solidão insistente.
Mas se estou vivendo uma ótima fase em minha vida, por que então sou acometido por essa sensação? Por que tenho essas divagações constantes? Talvez seja pelo fato de que esse vazio deva ser um espaço em minha vida que esteja reservado para algo muito maior e muito mais importante prestes a acontecer futuramente. E eu torço para que realmente seja isso mesmo, pois é tudo o que sempre busquei, mais do que um bom emprego, uma boa casa ou dinheiro no bolso. Assim como uma personagem que, em um episódio da 3ª temporada da série DEXTER, buscava, pouco antes de morrer, encontrar a torta de limão perfeita. É a nossa busca constante e ininterrupta por aquilo que possa dar um sentido completa às nossas vidas.
 
© 2013 Contaminação de Ideias. Todos os direitos reservados do autor. É proibida a cópia ou reprodução sem os direitos autoriais do autor Ulisses Goés. Powered By Blogger. Design by Main